Rabisco de duas: Coisas que todo mundo ama e eu não.

Olá meus amores!!! Trago para vocês o projeto Rabisco de duas que consiste em postarmos em duplas desenhos sobre determinados temas estipulados previamente, minha dupla é a Jake dos Santos e o tema desse mês é: "Coisas que todo mundo ama e eu odeio". Confesso que fiquei com medo de participar hehehe, isso porque as meninas são super talentosas e eu sou mais pra lá do que pra cá nos desenhos se é que me entendem kkkkk... Bora começar?
Salto
Bem, tenho intolerância a lactose e devido a isso meus ossos são frágeis e por recomendação médica não pude usar tanto salto desde novinha, no início foi difícil de aceitar, mas depois percebi que realmente não posso usar, até cair na rua com salto eu caí kkkkkkkkk ninguém leu isso kkk, depois desse episódio nada confortável, adquiri trauma de salto e não quero ver nem de perto, não uso mais nem em eventos... O seguro morreu de velho minha filha hahaha...
Leite
Então, o negócio é o seguinte, criança com intolerância a lactose, desenvolveu uma certa resistência com o passar do tempo e pode inserir pequenas doses do líquido de vez em quando... Consigo comer bolo, queijo, pão entre outros, mas nunca experimentei tomar um copo de leite na vida, tenho pavor ao cheiro do leite em si, sem contar que tenho um baita medo de dar alguma reação, pois alimentos como iogurte que têm alta concentração de lactose me dão reações alérgicas. Sei que hoje já existem leites sem lactose, mas não desce, infelizmente leite puro não dá!
Séries
Sou normal??? Creio que sim, sei que muita gente curte séries demais da conta, mas o fato é que falta-me paciência para ver aquelas sequências de filmes e tal! Curto um filme de vez em quando, mas acompanhar séries não consigo de jeito nenhum...
Esmalte vermelho
Amo batom vermelho, é uma das minhas cores favoritas de batom, mas não sei o que acontece que não consigo usar esmalte vermelho, me dá uma agonia sei lá! Acho tão lindo nas outras pessoas, já tentei usar algumas vezes justamente por achar lindo nos outros, mas não tem jeito, não consigo usar, o máximo que consigo é fazer uma francesinha e colocar películas vermelhas... Vai entender!

Esses foram os meus desenhos, abaixo tem o desenho da Jake, entra lá no blog dela clicando aqui e veja as explicações do desenho dessas fofuras que ela desenhou! Jake, eu amo falar ao telefone kkkk, claro que prefiro a presença, mas na falta dela o telefone me satisfaz kkkkk...
E aí gostaram? Estou aprendendo a desenhar uhuuuuuu!!!
Vejam as postagens das outras participantes do projeto!

Palavreando #2

Palmas para a arte da minha guria Lívia Sulamyta hehehe... Ela desenhou as bailarinas no paint e fez a animação!
ARTE: Lívia Sulamyta Dias.
O bom filho a casa torna, pois cá estou eu de volta! São tantos dias afastada, que nem sei por onde recomeçar hahaha... Mas enfim, de uma forma ou de outra cá estou kkkkkkkk...
Ah tenho novidades, estou voltando com o canal também tá? Algumas leitoras pediram que eu voltasse com os vídeos e vou tentar hehehe... Ain que vergonha kkk Se inscreve lá no canal também! 

Esses últimos meses não têm sido fáceis, foram tantos problemas, tantas angústias... Dentre tantos outros problemas, minha filha fez a cirurgia no coração e talvez precisará fazer outra, até acidente de carro a gente sofreu, confesso que a barra está sendo pesada, mas maior é o Deus que está comigo! Muito maior que todas as tempestades e todas as angústias e ansiedades, é o Deus que está comigo e isso me conforta de tal forma que sei que só estou de pé porque ele tem me sustentado! Não me cabe aqui reclamar e sim agradecer, pois por maiores que tenham sido as batalhas o meu Deus não me deixa esmorecer, agradeço a ele pelas vitórias, por ter nos livrado daquele acidente, por ter intercedido na cirurgia da minha pequena, por ter preparado todas as coisas, agradeço por todos os livramentos! 

Agora me deem licença que eu vou dormir... bjs.

Da janela de um quarto de hospital.

Já são 14 dias aqui dentro desse hospital com minha pequena internada.Já chorei tanto que só Deus sabe... Minha filha fez uma cirurgia cardíaca e talvez terá que fazer outra. São 14 dias olhando para as caras de pessoas estranhas e fazendo amizades, já são 14 dias conhecendo realidades parecidas e totalmente diferentes da minha pequena, 14 dias olhando o mundo lá fora pela janela e imaginando que dia sairei daqui com minha pequena. Na verdade eu nem me importo quantos dias ainda serão necessários com minha filha aqui, eu só quero sair com ela com vida e curada, em nome de Jesus! Abraços a todos e desculpem a falta de edição do texto, é que estou do celular! ❤❤❤❤❤

 
Minha negra cor - Aline Dias © Todos os direitos reservados :: voltar ao topo